“A Primeira Tentação de Cristo”: Especial de Natal Porta dos Fundos vai ser removido da Netflix

Netflix vai remover o Especial de Natal A Primeira Tentação de Cristo

Lançado a 3 de dezembro de 2019, o “Especial de Natal Porta dos Fundos: A Primeira Tentação de Cristo” vai ser removido do catálogo da Netflix no dia 1 de setembro, o que significa que, quem quiser ver o especial ainda pode fazê-lo até ao próximo dia 31de agosto.

A produção brasileira do realizador Rodrigo Van Der Put, em parceira com o grupo Porta dos Fundos, é uma comédia satírica de proporções bíblicas centrada na figura de Jesus Cristo (Gregório Duvivier), que na festa de aniversário para celebrar os seus 30 anos decide levar um convidado surpresa para apresentar à família.

Segundo a produtora, é uma obra artística de humor e sátira religiosa, que não retrata – necessariamente – de forma fiel a realidade, fatos históricos ou eventos bíblicos, e que não se confunde com as convicções e opções religiosas dos seus produtores e atores.

Em poucos dias de exibição, o filme gerou uma enorme polémica, principalmente no Brasil, com repercussões negativas que levaram à criação de petições para a remoção do vídeo de 46 minutos e a um processo judicial que, em segunda instância, deu razão à Netflix. Além disso, o especial levou a ataques à trupe com coquetéis molotov.

Após toda a turbulência, o título vai ser agora removido, mas o motivo da decisão da gigante de streaming em retirar o especial do seu catálogo, ainda não está bem claro. Geralmente isso acontece por duas razões: por meio de imposições legais ou pela caducidade do contrato ou licença,o que provavelmente não é o caso.

Aproveite e assista ao trailer:

Artigos relacionados