Anunciadas as produções nacionais selecionadas para o IndieLisboa 2020

Filmes nacionais selecionados para o Indielisboa 2020

Já com uma grande parte da programação revelada no final de abril, o IndieLisboa divulgou nesta terça-feira (23), as produções nacionais que foram seleccionadas para a Competição Nacional e a secção Novíssimos da edição 2020 que tem início a 25 de agosto.

De acordo com a organização, foram selecionadas, para já, 5 longas e 17 curtas metragens para a Competição Nacional, entre as quais “A Metamorfose dos Pássaros”, primeira longa metragem de Catarina Vasconcelos, exibida este ano no Festival de Berlim, ” O Fim do Mundo”, de Basil da Cunha, seleccionada para o festival de Locarno 2019, além dos documentários “Ana e Maurizio”, de Catarina Mourão e “Entre Leiras”, de Cláudia Ribeiro, e a comédia romântica “A Arte de Morrer Longe”, de Júlio Alves, em estreia mundial.

A secção Novíssimos, que apresenta obras de jovens cineastas em início de carreira, inclui 14 filmes, com destaque para o filme “La Leyenda Negra”, de Patricia Vidal Delgado, primeira longa metragem de uma realizadora portuguesa a ser exibida no festival de Sundance, em 2020. “À Tarde, Sob o Sol”, de Gonçalo Pina, ” Nestor”, de João Gonzalez, e “Selvajaria”, de Camila Vale, são alguns dos títulos das 13 curtas em competição nesta secção.

Já na Competição de Curtas-Metragens, que inclui “um conjunto muito grande de vozes emergente”, está garantida a participação de “O Cordeiro de Deus”, de David Pinheiro Vicente, seleccionado pelo Festival de Cannes 2020, “A Mordida”, de Pedro Neves Marques, estreado no Festival de Toronto 2019, “Bustarenga”, de Ana Maria Gomes, e as estreias mundiais de “Corte”, de Afonso e Bernardo Rapazote, “Errar a Noite”, de Flávio Gonçalves e “Mesa”.

A programação completa do festival estará disponível, a partir do final de Julho, no site e aplicação oficiais do festival, onde poderão ser ainda descobertos os filmes que integram as Sessões Especiais, as Cerimónias de Abertura e Encerramento, alguns filmes ainda por anunciar de outras secções do festival, além da programação completa das actividades paralelas.

Depois do adiamento devido à pandemia da Covid-19, a 17.ª edição do IndieLisboa – Festival Internacional de Cinema, vai decorrer de 25 de agosto a 5 de setembro no Cinema São Jorge, Culturgest, Cinema Ideal e Cinemateca Portuguesa.

COMPETIÇÃO NACIONAL Longas-Metragens
– “Ana e Maurizio”, de Catarina Mourão
– “A Arte de Morrer Longe”, de Júlio Alves
– “Entre Leiras”, de Cláudia Ribeiro
– “O Fim do Mundo”, de Basil da Cunha
– “A Metamorfose dos Pássaros”, de Catarina Vasconcelos

COMPETIÇÃO NACIONAL Curtas-Metragens
– “Bustarenga”, de Ana Maria Gomes
– “Carnage”, de Francisco Valente
– “A Chuva Acalanta a Dor”, de Leonardo Mouramateus
– “Corte”, de Afonso Rapazote/Bernardo Rapazote
– “O Cordeiro de Deus”, de David Pinheiro Vicente
– “A Dança do Cipreste”, de Mariana Caló/Francisco Queimadela
– “Errar a Noite”, de Flávio Gonçalves
– “Meine Liebe”, de Clara Jost
– “Mesa”, de João Fazenda
– “Moço”, de Bernardo Lopes
– “A Mordida, Pedro Neves Marques
– “Parto sem Dor”, de Maria Mire
– “A Rainha”, de Lúcia Pires
– “Regada”, de Francisco Janes
– “Semanas de Areia, Meses de Cinza, Anos de Pó”, de Rita Macedo
– “Somewhere in Outerspace This Might Be Happening Somehow”, de Paulo Malafaya
– “Suspensão”, de Luís Soares

NOVÍSSIMOS Longas-Metragens

– “La Leyenda Negra”, de Patricia Vidal Delgado

NOVÍSSIMOS Curtas-Metragens
– “Altas as Gaivotas”, de Marianne Harlé
– “Carta a Elba”, de Helder Faria/Flávio Ferreira/Alejandro Vásquez/Daniela Cajias/Carmen Tortosa
– “Club Splendida”, de Caio Amado Soares
– “Estrada para o Céu”, de Pedro Vaz Simões
– “Laniakea Supercluster”, de Rodrigo Ralha
– “Lázaro”, de Concha Silveira/David Cruces/Alba Dominguez
– “Nestor”, de João Gonzalez
– “Ode à Infância”, de Luís Vital/João Monteiro
– “Sábàtina”, de Rafael dos Santos
– “The Sacrifice of the Druids”, de Reinaldo Pinto Almeida
– “Selvajaria”, de Camila Vale
– “À Tarde, Sob o Sol”, de Gonçalo Pina
– “Under Current”, de Alice dos Reis

Artigos relacionados

Contribua com a sua opinião!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *