Arranca hoje a 14ª edição do Festival de Cinema de Sevilha

A partir de hoje e até ao dia 11 de novembro, vai decorrer a 14ª edição do Festival de Cinema de Sevilha, certame que tem como objetivo promover e difundir a cinematografia europeia e que em cuja programação constam obras ou coproduções nacionais.

Nesta edição, estarão em competição sete obras ou coproduções nacionais, distribuídas pelas diversas secções. Nas secções não competitivas, destaque para o ciclo “Lejos de las Leyes”, uma retrospetiva dedicada às obras de Margarida Cordeiro e António Reis, onde serão exibidos os seus filmes e outros de cineastas portugueses. Também o ciclo “Senderos que se Bifurcan”, que a organização dedica a filmes “com um pé fora da realidade”, tem participação portuguesa com a exibição de “O Ornitólogo“, de João Pedro Rodrigues.

Na Seleção Oficial, a principal secção competitiva do festival, estarão presentes 17 filmes:
– “A Fábrica de Nada“, de Pedro Pinho
– “Ramiro“, de Manuel Mozos
– “Zama“, de Lucrecia Martel
– “A Ciambra”, de Jonas Carpignano
– “A Violent Life”, de Thierry de Peretti
– “Barbara”, de Mathieu Amalric
– “Corazón Puro”, de Roberto de Paolis
– “El Mar nos Mira de Lejos”, de Manuel Muñoz Rivas
– “El Taller de Escritura”, de Laurent Cantet
– “As Guardiãs”, de Xavier Beauvois
– “Little Crusader”, de Václav Kadrnka
– “Penélope”, de Eva Vila
– “Tierra de Dios”, de Francis Lee
– “Tierra Firme”, de Carlos Marqués-Marcet
– “Un Beau Soleil Intérieur”, de Claire Denis
– “Western”, de Valeska Grisebach
– “Winter Brothers”, de Hlynur Pálmason

Em competição, na secção Las Nuevas Olas, serão exibidos “Colo“, de Teresa Villaverde,. “Milla”, de Valerie Massadian e “9 Dedos”, de F.J. Ossang, realizador que estará em Sevilha para apresentar este seu último trabalho. Na secção Las Nuevas Olas – Não Ficção, estará em competição o filme de Pedro Neves, “Tarrafal”.

A programação integra uma Seleção Oficial – Fora de Competição e duas secções que integram filmes pré-nomeados aos Prémios Europeus de Cinema, a Selección EFA e a Short Matters!, um programa de curtas-metragens, onde está inserida a produção realizada por Gabriel Abrantes, “Os Humores Artificiais”.

Para obter informações mais detalhadas, consulte o site oficial do festival.

Artigos relacionados