Arranca hoje a 41ª edição do Fantasporto – Festival Internacional de Cinema do Porto

Fantasporto 2021: 26 de abril a 4 de maio

Arranca esta segunda-feira, 26 de abril, o 41º Fantasporto – Festival Internacional de Cinema do Porto, uma edição que teve de ser adiada devido à Covid-19 e que desta vez decorrerá até ao dia 4 de maio no icónico Hard Club, na Ribeira do Porto, uma sala com uma lotação limitada a 225 lugares, que permite cumprir todas as regras de distanciamento impostas pela DGS.

A programação inclui filmes de 37 países distribuídos pelas várias secções. Na noite de abertura será exibido “Morte em Veneza”, um clássico do realizador italiano Luchino Visconti, por ocasião do seu 50º aniversário. O Fantasporto 2021 encerra com a antestreia nacional do filme “Terra de Ninguém“, de Conor Allyn, que estreia nos cinemas a 6 de maio.

Na secção oficial competitiva de longas-metragens de Cinema Fantástico destaca-se o muito esperado “Ten Minutes to Midnight”, de Erik Bloomquist, o thrillet húngaro “Post-Mortem”, de Péter Bergendy, a terror brasileiro “O Cemitério das Almas Perdidas”, de Rodrigo Aragão, “Suicide Forest Village”, de Takashi Shimizu, e também em antestreia nacional “The Reckoning – O Derradeiro Julgamento“, de Neil Marshall.

Uma das secções muito aguardadas do festival é a dedicada ao Cinema Português, em que o prémio de Melhor Filme será entregue a uma das 8 curtas ou 4 longas-metragens em competição. “Toponímia – As Memórias do Porto”, de António Pinto, “Um Quadro do Pollock com Sangue”, de Rui António, “A Mulher Sem Corpo”, de António Borges Correia, e “40 Anos de Fantasporto”, de Isabel Pina, são os títulos das longas-metragens.

A competição Semana dos Realizadores inclui uma boa seleção de filmes entre os quais multi-premiado “In the Quarry”, de Bernardo Antonaccio e Rafael Antonaccio, o filme argentino “Cadáver Exquisito” (Exquisite Corpse), de Lucía Vassallo, a produção húngara “Preparations to be Together for an Unkown Period of Time”, de Lili Horvát, e “Dinner in America”, de Adam Rehmeier.

Fora de competição, no Fantas Classic, além do filme de abertura, o festival recupera “O Leopardo”, também de Visconti, e “Clube de Combate”, de David Fincher, com protagonismo de Brad Pitt e Edward Norton.

A programação completa da 41ª edição do Fantasporto pode ser consultada no site oficial do festival.

Artigos relacionados