“Azeméis Film Festival”: Programação do “festival dos festivais”

Programa do Azemeis Film Festival 2020

Entre os dias 2 e 4 de outubro, a sala O Cinema (Gemini) e a Galeria Tomás Costa, são os espaços que vão acolher o Azeméis Film Festival, uma iniciativa da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis, em parceria com o Cine Club de Avanca, um festival que reunirá o conjunto dos melhores filmes premiados nas últimas edições dos festivais nacionais de cinema.

Denominado “o festival dos festivais”, o evento está focado numa competição de longas-metragens entre a ficção e o documentário, que inclui os vencedores de cinco festivais: o de Avanca, Fantasporto, DocLisboa, IndieLisboa e o LEFFEST.

No dia 2, às 21:30h, será projetado “De los Nombres de las Cabras”, de Sílvia Navarro e Miguel Morales, vencedor do IndieLisboa. No dia 3, às 15:00h, é a vez de “Tommaso“, de Abel Ferrara, vencedor do Leffest, segue-se às 18:00h, o vencedor do Fantasporto 2020, “Por Detrás da Moeda”, de Luís Moya e às 21:30h, “Eternal Winter”, de Attila Szász, vencedor do Avanca 2019.

No último dia do festival, às 10:30h, será exibido “Santikhiri Sonata”, de Thunska Pansittivorakul, vencedor do DocLisboa, e em extra-competição, às 15:00h, será apresentado o filme “Hálito Azul“, de Rodrigo Areias, que conquistou o prémio Lusofonias no Festival Cineeco.

Todos estes filmes estão programados para a sala O Cinema. O “vencedor dos vencedores”, será anunciado às 18:00H do dia 4 de outubro, e exibido às 21:30h, em formato Drive-In, no parque de estacionamento Abílio Campos.

Além da vertente competitiva, o evento vai exibir as novas cópias de quatro filmes de realizadores oliveirenses: “O Moinho” e “Vidros”, de Manuel Matos Barbosa, “5 Escudos o Métro Cubíco”, de António Matias, e “Decomposição”, Manuel Paula Dias. Na galeria Tomás Costa será inaugurada a exposição “Anos 60/70 – o cinema de Oliveira de Azeméis”.

O Azeméis Film Festival contará ainda com workshops e debates, estando a participação nessas atividades sujeita a inscrição prévia e às normas da Direção-Geral da Saúde.

Esta organização inédita da autarquia oliveirense, visa devolver à cidade a dinâmica de promoção cinematográfica que aí existia há algumas décadas, na altura através do Cineclube de Azeméis, que teve um grande número de sócios e um forte desempenho nesta área, criando-se novos públicos e novas dinâmicas com o envolvimento da comunidade.

Confira a programação provisória:

2/outubro
10:30h – Cinema de animação para os mais jovens
14:30h – Cinema de animação para os mais crescidos, ainda jovens
21:00h – Inauguração da exposição “Anos 60/70 – O cinema de Oliveira de Azeméis”
21:30h – Inauguração Anos 60 /70 – O cinema de Oliveira de Azeméis
– Exibição de 4 filmes de Matos Barbosa, Paula Dias e António Matias acompanhados à guitarra por Joaquim Pavão
– “De los Nombres de las Cabras”, de Silvia Navarro, Miguel G. Morales

3/outubro
10:00h às 13:00h – Workshop Cinema
15:00h – “Tommaso”, de Abel Ferrara
18:00h – “Por Detrás da Moeda”, de Luís Moya
21:30H – “Eternal Winter”, de Attila Szász

4/outubro
10:30h – “Santikhiri Sonata”, de Thunska Pansittivorakul
15:00h – “Hálito Azul”, de Rodrigo Areias
18:00h – Encerramento seguido de Cocktail e anúncio do premiado
21:30h – Drive In com Exibição do filme premiado

Artigos relacionados