Brian De Palma está a desenvolver um guião inspirado no escândalo Harvey Weinstein

Brian de Palma está a escrever guião sobre o caso Harvey Weinstein

Numa entrevista ao Le Parisien, Brian De Palma confirmou que está a escrever um guião para um filme inspirado no escândalo de abusos sexuais que envolveu o famoso produtor Harvey Weinstein.

A revelação foi feita pelo realizador norte-americano, que completa em setembro 78 anos, numa altura em que lançou o seu primeiro livro, intitulado “Are Snakes Necessary?” e numa ocasião em que vai ser alvo de uma retrospectiva na Cinemateca de Paris.

“Estou a escrever um filme sobre esse escândalo, que atualmente estou a discutir com um produtor francês. O meu personagem não se chamará Harvey Weinstein. Mas será um filme de terror, com um agressor sexual, e isso acontecerá na indústria cinematográfica”, disse o cineasta.

Acompanhado pela sua parceira, a jornalista e advogada Susan Lehman, De Palma abordou também outros temas, entre eles o seu desgosto por Hollywood e disse que o seu filme mais subvalorizado é “Corações de Aço” (Outrages) de 1989, que teve críticas negativas na estreia, mas que acha que é o melhor filme sobre a Guerra do Vietname.

O cineasta admite ter recebido propostas de trabalho para a Netflix, mas recusadas, esclarecendo que “preciso de um grande ecrã porque sou um estilista visual”.

Depois de ter dirigido “Paixão” em 2012, De Palma tem em pós-produção o thriller criminal “Domino”, um filme sobre terrorismo, filmado na Dinamarca, Bélgica e Espanha, com protagonismo de Nikolaj Coster-Waldau e Carice van Houten.

Artigos relacionados