Canal História estreia a série documental “Jerusalém: Cidade de Fúria e Esperança”

Para as noites de segunda-feira dos dias 11, 18 e 25 de dezembro, o Canal História propõe um mergulho na tempestuosa história sociopolítica de Jerusalém e nos conflitos centenários que se mantiveram até aos dias de hoje, na série documental “Jerusalém: Cidade de Fúria e Esperança”, narrada pelo ator Ewan McGregor (Birds of Prey).

Com a chancela de qualidade da CNN, a série documental com seis episódios, exibidos em sessão dupla, às 22:10h e 23:00h, conta a história de uma das mais controversas cidades da história através de seis conflitos e rivalidades épicas que a moldaram e definiram.

Esta série explora a forma como a pequena cidade de Jerusalém, árida e pobre em recursos, se tornou mais tarde um local de peregrinação para três das principais religiões do mundo, ao mesmo tempo que investiga como, três mil anos mais tarde, a cidade está mais cativa do que nunca, consumida por diferenças ideológicas que impulsionaram as lutas pelo controlo ao longo da história.

Em cada episódio, o Canal História propõe aos espectadores que partam à descoberta de uma das cidades mais disputadas ao longo dos tempos bíblicos à Guerra Fria, do Império Romano a figuras como o Rei David, Cleópatra e T. E. Lawrence (Lawrence da Arábia), através de uma série que dá vida à “Cidade de Deus” como nunca antes.

No episódio de estreia, “O Reino”, ficamos a saber como o Rei David conquistou e reclamou Jerusalém dos Jesuítas nomeando-a como nova capital do seu povo e estabelecendo assim a base para séculos de conflitos. Logo de seguida, às 23:00h, é emitido o segundo episódio “Confronto entre Impérios”.

A série prossegue no dia 18 de dezembro om a exibição de mais dois episódios, “Guerra Santa” e “Cidade Moderna, Conflitos Antigos”, e finaliza no dia de Natal (25) com “Independência e Catástrofe” e “Capital para Todos e Ninguém”.

Quer ficar a par de todas as novidades de cinema e televisão? Siga-nos nas redes sociais e não se esqueça de deixar um “like”!

Estamos no Facebook, Instagram, Twitter e no Google Notícias. Pode ainda assistir aos trailers legendados no Youtube.

Artigos relacionados