Canal História estreia o documentário “Salazar, Lisboa e a Segunda Guerra Mundial”

Esta segunda-feira, 31 de julho, pelas 22:15h, o Canal História estreia em exclusivo “Salazar, Lisboa e a Segunda Guerra Mundial“, um documentário que mostra como Portugal conseguiu resistir à Segunda Guerra Mundial sem derramar sangue, mas alterando o rumo dos acontecimentos.

A Segunda Guerra Mundial mergulhou a Europa na destruição e no terror, e Portugal fica preso entre Churchill e Hitler. Aliado histórico da Inglaterra, o regime fascista de Salazar também está próximo do Terceiro Reich e da Itália de Mussolini.

Para se manter afastado do conflito, António de Oliveira Salazar proclama a neutralidade de Portugal. Único ponto de passagem entre Londres e Berlim, Lisboa tornou-se assim a capital da espionagem. Mas enquanto seu aliado britânico recruta seus oponentes comunistas, os espiões alemães se infiltram até nas frotas pesqueiras do Atlântico Norte.

Ian Flemming, o “pai” de James Bond ou Graham Greene, autor do “Americano Tranquilo” são alguns dos espiões célebres que aturam em Lisboa, a única cidade europeia em que os inimigos ingleses e alemães estiveram em contacto, entregando-se a uma guerra clandestina naquela que foi considerada a capital mundial da espionagem.

Da responsabilidade da produtora francesa Cinétévé, este documentário de sessenta minutos mostra como, apanhado entre o Eixo e os Aliados, Salazar recorreu a todas as manobras possíveis para que o país escapasse incólume. Nesta guerra de nervos em que tudo valia, o líder português soube tirar o máximo partido da única arma disponível para manter a independência da nação: a neutralidade.

“Salazar, Lisboa e a Segunda Guerra Mundial” é um trabalho dos realizadores Bruno Lorvao e Christiana Ratiney, conduzido pela jornalista e apresentadora belga Elodie Sélys, que mostra que Portugal, apesar de não passar de um peão no xadrez das grandes potências, soube transformar essa fraqueza em força.

Quer ficar a par de todas as novidades de cinema e televisão? Siga-nos nas redes sociais e não se esqueça de deixar um “like”!

Estamos no Facebook, Instagram, Twitter e no Google Notícias. Pode ainda assistir aos trailers legendados no Youtube.

Artigos relacionados