Carey Mulligan e Zoe Kazan serão as repórteres que divulgaram o caso Harvey Weinstein

Carey Mulligan e Zoe Kazan no filme She Said

Carey Mulligan (Uma Miúda com Potencial) e Zoe Kazan (Histórias Que Fazem o Coração Crescer) podem estar a um passo de contracenarem juntas pela primeira vez no grande ecrã. Segundo o Deadline, as duas atrizes estão em negociações para interpretarem as repórteres do New York Times que divulgaram a história de escândalo sexual de Harvey Weinstein.

Se chegarem a acordo, Mulligan e Kazan vão dar vida a Megan Twohey e Jodi Kantor, as jornalistas de investigação que a 5 de outubro de 2017 revelaram uma série de supostos assédios sexuais e agressões contra mulheres, pelo copresidente da The Weinstein Company e magnata do cinema independente Weinstein, crimes que datam de décadas atrás .

O filme será dirigido pela cineasta alemã Maria Schrader (Stefan Zweig: Adeus, Europa) a partir de um guião escrito por Rebecca Lenkiewicz, adaptado do best-seller “She Said: Breaking the Sexual Harassment Story That Helped Ignite a Movement”, escrito por Twohey e Kantor.

“She Said” é um projeto da Universal Pictures que será produzido por Brad Pitt, através da Plan B Entertainment, e por Megan Ellison pela Annapurna. A produção está prevista para arrancar neste verão.

Artigos relacionados

Contribua com a sua opinião!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *