Charlie Cox e Olga Kurylenko vão protagonizar a série de espionagem “Treason”

Charlie Cox e Olga Kurylenko protagonistas da série Treason

Segundo o Deadline, a Netflix deu luz verde para a produção da série “Treason“, um drama de espionagem de seis episódios, que será protagonizado por Charlie Cox (Homem-Aranha: Sem Volta a Casa), Olga Kurylenko (Viúva Negra) e Oona Chaplin (Uma Vida ao Teu Lado).

A minissérie foi escrita pelo argumentista Matt Charman, mais conhecido pelo seu trabalho no filme “A Ponte dos Espiões“, com o qual recebeu a sua primeira e única nomeação aos Óscares. Ainda sem detalhes específicos sobre os papéis que vão interpretar, a nova série vai acompanhar Adam Lawrence, um espião treinado pelo MI6, que parece ter uma carreira definida e estável.

No entanto, o seu complicado passado volta para assombrá-lo na forma da espiã russa Kara, com quem partilha uma história. Este reencontro força Adam a questionar tudo e todos na sua vida. Adam, a sua esposa Maddy e Kara têm um relacionamento muito difícil, pois os três tentam expor os segredos um do outros, enquanto que, ao mesmo tempo, tentam manter aqueles que mais amam.

Este será o segundo grande projeto que Charman desenvolve para a Netflix depois de ter escrito e feito a estreia na cadeira da realização com o drama de ficção científica “The Mothership”, que estreia na plataforma de streaming em 2022.

Ainda sem previsão de estreia, a série será produzida pela Binocular Productions, empresa de Charman, que exercerá como showrunner e produtor executivo. A realização dos seis episódios terá a assinatura de Louise Hooper, responsável por alguns episódios da série “The Witcher”.

Artigos relacionados