Conhecidas as nomeações para algumas categorias dos Prémios do Cinema Europeu

Academia Europeia de Cinema já revelou os nomeados para as categorias de Melhor Comédia, Melhor Filme de Animação, European Discovery – Prix FIPRESCI, Prémio Universitário e Melhor Curta-Metragem, aos Prémios do Cinema Europeu.

No ano passado o vencedor do prémio de Melhor Comédia foi “Um Homem Chamado Ove”, de Hannes Holm. Os candidatos desta edição são:
– “King of the Belgians”, de Jessica Woodworth e Peter Brosens
– “O Quadrado”, de Ruben Östlund
– “Vincent”, de Christophe van Rompaey
– “Willkommen bei den Hartmanns”, de Simon Verhoeven

Na categoria de Melhor Filme de Animação, o último vencedor foi “A Minha Vida de Courgette”, de Claude Barras. E os nomeados são:
– “Ethel & Ernest”, de Roger Mainwood
– “Louise en Hiver”, de Jean-François Laguionie
– “A Paixão de Van Gogh“, de Dorota Kobiela e Hugh Welchman
– “Zombillénium”, de Arthur de Pins e Alexis Ducord

O Dia Mais Feliz na Vida de Olli Mäki“, de Juho Kuosmanen, arrecadou em 2016 o Prémio FIPRESCI, prémio atribuído à primeira longa-metragem realizada por um jovem realizador. Para este ano os nomeados são:
– “Bloody Milk”, de Hubert Charuel
– “Godless”, de Ralitza Petrova
– “Lady Macbeth“, de William Oldroyd
– “Estiu 1993”, de Carla Símon
– “The Eremits”, de Ronny Trocker

Introduzido pela primeira vez em 2016, o Prémio Universitário, apresentado por estudantes universitários de toda a Europa, foi atribuído a “Eu, Daniel Blake”, de Ken Loach. A edição de 2017 terá os seguintes nomeados:
– “Corações de Pedra“, de Guðmundur Arnar Guðmundsson
– “Home”, de Fien Troch
– “Loveless”, de Andrey Zvyagintsev
– “O Outro Lado da Esperança”, de Aki Kaurismäki
– “The War Show”, de Andreas Dalsgaard e Obaidah Zytoon

Para suceder a “9 days: From My Window in Aleppo”, de Floor van der Meulen, Thomas Vroege e Issa Touma como Melhor Curta-metragem, foram designadas 15 produções, entre elas a portuguesa “Os Humores Artificiais”, de Gabriel Abrantes.

Os filmes nomeados serão submetidos aos mais de 3.000 membros da EFA para eleger o vencedor de cada categoria. Os prémios serão entregues na 30ª cerimónia dos Prémios do Cinema Europeu, marcada para o dia 9 de dezembro, em Berlim. Os restantes nomeados serão anunciados a 4 de novembro, durante o Festival de Cinema Europeu de Sevilha.

Artigos relacionados