“Crackpot”: Filme com Dakota Johnson marca o regresso da realizadora Elaine May

Dakota Johnson e a realizadora Elaine May no filme Crackpot

Mais de trinta anos depois de dirigir a comédia de ação “Ishtar”, com Dustin Hoffman e Warren Beatty, Elaine May vai regressar à cadeira da realização cinematográfica com “Crackpot”, uma longa-metragem que será protagonizada por Dakota Johnson (As Cinquenta Sombras de Grey).

A notícia foi dada a um jornalista do Deadline pela própria atriz, durante a cerimónia dos Governors Awards, ao afirmar que em maio tinha planos para começar a trabalhar no projeto, não adiantando qualquer detalhe sobre o enredo nem sobre a personagem que irá interpretar.

Apenas com quatro longas-metragens e um episódio de uma série documental no seu currículo, ninguém esperava que a “jovem” cineasta de 87 anos conseguisse outra chance como realizadora. May, que recentemente ganhou o Tony de Melhor Atriz pelo seu desempenho como uma mulher que sofre de demência na peça teatral “The Waverly Gallery”, de Kenneth Lonergan, ao lado de Lucas Hedges e Michael Cera.

Johnson, que acabou de filmar o drama romântico musical “Covers”, da canadiana Nisha Ganatra, foi vista nos nossos cinemas no passado mês de agosto com a comédia dramática “O Falcão Manteiga de Amendoim“.

Artigos relacionados