Crime + Investigation estreia esta noite o documentário “Savile: O Predador”

Esta sexta-feira, 11 de fevereiro, a partir das 22:30h, o canal Crime + Investigation estreia “Savile: O Predador“, um documentário produzido dez anos após a morte de Jimmy Savile, ex-apresentador da BBC, que conta a história aterradora desta autêntica celebridade do Reino Unido, que durante décadas abusou de dezenas de pessoas nos hospitais britânicos.

Em outubro de 2011, milhares de fãs choraram a morte de Sir Jimmy Savile, que foi considerado uma das maiores estrelas do Reino Unido. Poucos meses depois, foi exposto como um dos mais prolíficos agressores sexuais do país e a sua lápide foi removida. Agora, jaz numa campa sem qualquer identificação.

“Savile: O Predador” explica, com base em novos depoimentos das vítimas, das testemunhas e de um importante detetive que investigou Savile depois da sua morte, como é que planeou a sua carreira e estilo de vida de abuso, conseguindo passar despercebido.

Principe Carlos e Jimmy Savile

Dez anos depois, o que é que sabemos realmente sobre quem era Savile? Como é que persuadiu aqueles que deviam ter percebido, mas que lhe deram o selo de aprovação, fazendo dele a cara da proteção de menores?, são estas algumas das perguntas que o programa tenta esclarecer, examinando as técnicas e as estratégias que Jimmy Savile usou ao longo da sua carreira e até à sua morte, aos 84 anos, em hospitais onde fazia trabalho de beneficência junto de jovens.

Num relatório divulgado pela antiga juíza do Tribunal de Recurso Janet Smith – e que chocou a Grã-Bretanha – revela que um dos mais conhecidos apresentadores de rádio e televisão do país, descrito como um “predador sexual oportunista” abusou sexualmente de pessoas com idades entre os cinco e 75 anos durante décadas, com vítimas que incluíam pacientes, visitantes e funcionários de hospitais britânicos.

Assista ao vídeo promocional e não perca a estreia de “Savile: O Predador”.

Artigos relacionados