Discovery Portugal estreia a primeira temporada de “Viver na Corda Bamba”

Se é fã de exibições “highline” então não pode perder a nova série “Viver na Corda Bamba” (Pushing the Line), que estreia esta quarta-feira, 22 de junho, às 21:00h, no Discovery Channel Portugal, um programa reality show que mostra as aventuras impressionantes de um grupo de praticantes desta modalidade.

O “highline”, para quem não está familiarizado com a atividade, executa-se em grandes alturas, entre montanhas, pontes ou prédios, o campo predileto de praticantes “hard” para fazerem travessias e até acrobacias, através de um corda de nylon, geralmente de 2,5cm, mais fina que o seu cinto, com proezas de cortar o fôlego.

A série, que vem com um aviso: “alturas vertiginosas e experiências de quase morte estão prestes a ser testemunhadas”, acompanha um grupo de intrépidos caminhantes de corda bamba enquanto estes viajam para os lugares mais espetaculares dos Estados Unidos para os visitar a bater recordes caminhando sobre uma corda fina suspensa milhares de pés no ar.

Esta nova produção documental segue um grupo que tem o objetivo de caminhar sobre desfiladeiros, penhascos e arranha-céus a mais de 1.500 metros de altitude. O equilíbrio será o maior aliado deste grupo de amigos e também rivais que terão de resistir à força da gravidade em cenários como a Torre Castleton, as falésias do Moab ou o Canyon do Colorado.

“Poucas pessoas experimentarão o “highlining”. Exige que seja forte fisicamente com incrível capacidade atlética, equilíbrio e resistência para andar numa longa fila. Mas também deve ser forte mentalmente – mesmo apenas para tentar entrar na linha. Esta nova série leva os espetadores para dentro do mundo desses atletas destemidos, que vivem todos os dias como se fosse o último. Que respostas eles procuram? Este é um olhar íntimo sobre o que motiva esses atletas a arriscar tudo todos os dias”, lê-se na descrição da série.

A série acompanha 30 dias desses pesos pesados de “highline”, em que, só por precaução, a equipa terá o hábito de dizer adeus a cada membro antes de escalar as cordas de nylon muito finas.

Artigos relacionados