“Doomsday Machine”: Claire Foy vai protagonizar série sobre o Facebook

Claire Foy vai protagonizar serie Doomsday Machine

Depois de ser “A Rapariga Apanhada na Teia de Aranha” e a rainha Isabel II na aclamada série de “The Crown”, papel com o qual venceu o seu segundo Emmy, Claire Foy vai agora interpretar uma pessoa influente da rede social Facebook, a diretora de operações Sheryl Sandberg, na nova série de drama “Doomsday Machine“.

De acordo com o Deadline, este projeto criado por Ayad Akhtar é baseado no livro best-seller “An Ugly Truth: Inside Facebook’s Battle for Domination”, das jornalistas do New York Time, Sheera Frenkel e Cecilia Kang, bem como em reportagens de Andrew Marantz para o The New Yorker.

Produzida pela Anonymous Content e a Wiip, a série vai mostrar a relação entre Mark Zuckerberg e Sandberg, e os obstáculos que o Facebook tem enfrentado na sua busca incessante por crescimento. A história irá desenrolar-se desde 2016, começando com as eleições presidenciais daquele ano e o aumento da desinformação, seguido por revelações recentes como o XCHECK, um programa que protegeu utilizadores importantes, incluindo o ex-presidente Donald Trump, das regras e regulamentos do Facebook.

O enredo também abordará como a empresa estava ciente dos riscos para a saúde mental que o Instagram representava para utilizadores mais jovens e a tendência de Zuckerberg usar o Feed de notícias como a sua própria máquina de propaganda para publicar artigos com preconceitos positivos sobre o Facebook.

Claire Foy será vista nos nossos cinemas no drama biográfico “The Electrical Life of Louis Wain“, protagonizado por Benedict Cumberbatch, com estreia prevista para fevereiro de 2022. Quanto a “Doomsday Machine” ainda não foi definida a data de lançamento.

Artigos relacionados