Elizabeth Banks vai dirigir e protagonizar uma nova versão de “A Mulher Invisível”

Elizabeth Banks vai dirigir e protagonizar A Mulher Invisível

Segundo o The Hollywood Reporter, a Universal Pictures contratou Elizabeth Banks (Um Ritmo Perfeito 2) para assumir a realização e protagonizar uma nova versão de “A Mulher Invisível” (The Invisible Woman).

O guião foi escrito por Erin Cressida Wilson (A Rapariga no Comboio) baseado num original de Banks, que também produzirá o projeto junto com o seu marido Max Handelman, através da Brownstone Productions.

“A Mulher Invisível” é o mais recente título de terror a ser reconstruido pela Universal, dando seguimento a “The Invisible Man” (O Homem Invisível), que será dirigido por Leigh Whannell e produzido pelo estúdio especializado de terror Blumhouse. O estúdio também tem em desenvolvimento “Renfield”, sobre o assistente d Drácula, com Dexter Fletcher (Rocketman) anunciado como realizador, e “Dark Army”, de Paul Feig.

Todos estes projetos fazem parte da nova estratégia da Universal em recuperar os seus clássicos personagens de filmes de terror, com uma abordagem mais individualizada, depois que as suas ambições em criar o “Dark Universe” fracassaram logo após o primeiro filme “A Múmia (2017)”, protagonizado por Tom Cruise, que teve um fraco desempenho nas bilheteiras.

Banks, que este ano foi vista nos nossos cinemas no filme de terror “Brightburn – O Filho do Mal“, regressa nesta quinta-feira (28) com o seu mais recente realização, “Os Anjos de Charlie“, filme em que também faz parte do elenco principal ao lado de Kristen Stewart, Naomi Scott, Ella Balinska e Patrick Stewart.

Artigos relacionados