“Em Caso de Fogo”: Curta portuguesa venceu a competição estudantil do Festival de San Sebastián

Curta de Tomas Paula Marques venceu premio no Festival de San Sebastián 2019

“Em Caso de Fogo”, curta-metragem realizada pelo português Tomás Paula Marques, foi o grande vencedor da competição estudantil da 67ª edição do Festival de Cinema de San Sebastián, evento espanhol que termina este sábado, dia 28 de setembro.

De acordo com o anuncio da organização, a curta venceu o Prémio Orona da secção Nest Film Students, presidido pelo argentino Martín Rejtman, com a justificação de que o filme “cria um retrato sugestivo e subtil da adolescência no Portugal rural”. O realizador portuense recebeu um prémio no valor de dez mil euros.

Produzido pela Escola Superior de Teatro e Cinema, “Em Caso de Fogo” já tinha sido distinguido anteriormente quando venceu a secção “Take One!” do Curtas de Vila de Conde. Em maio deste ano também participou na competição nacional do IndieLisboa.

A produção nacional também marcou presença na competição oficial de San Sebastián, com os filmes “Patrick”, de Gonçalo Waddington, e “L’ile Aux Oiseaux”, da dupla luso-suíça Maya Kosa e Sérgio da Costa.

Confira o trailer da curta vencedora:

Artigos relacionados