Em marcha uma cinebiografia sobre o cantor e dançarino norte-americano Sammy Davis Jr.

Cinebiografia sobre Sammy Davis Jr.

A vida do ator, mas essencialmente cantor e dançarino norte-americano Sammy Davis Jr. (1925-1960), vai ser contada no grande ecrã numa cinebiografia da Paramount Pictures, que será produzida por Lorenzo di Bonaventura e Mike Menchel junto com o famoso cantor de música R&B e soul Lionel Richie.

“Não consigo dizer o quão animado estou pelo início dos trabalhos do projeto sobre Sammy Davis Jr. com a Paramount. Conhecia e gostava fortemente de Sammy. Foi tão gentil comigo no início da minha carreira e deu-me conselhos que me ajudaram a ser o artista que sou hoje. Fico muito feliz pelos seus filhos e por poder levar a sua história ao cinema”, comentou Richie.

Ainda sem realizador definido, a prioridade do estúdio passa agora por encontrar um argumentista para escrever o guião, que deverá ser baseado no livro de memórias escrito por Sammy Davis Jr. com o título “Yes, I Can”. O filme mostrará a sua vida desde os seus anos como dançarino no Vaudeville, junto com o seu pai e tio, até alcançar o sucesso e a fama., como parte do grupo de atores liderado por Frank Sinatra, conhecido como Rat Pack.

Como afro-americano, Davis foi vítima de racismo durante toda a sua vida, mas foi o primeiro artista negro a conseguir estrelar o seu próprio programa de televisão, o ” The Sammy Davis Jr. Show”. A sua era dourada foi nos anos 50, quando gravou diversos álbuns de música, apresentando-se na Broadway e protagonizando filmes, entre os quais a versão original de “Ocean’s Eleven”, junto com Dean Martin, Peter Lawford e Joey Bishop, dominando a área de entretenimento naquela época.

Artigos relacionados