‘Inferno’, de “A Divina Comédia” de Dante, vai ter adaptação cinematográfica

Dante-Alighieri-inferno_warner bros

‘Inferno’, a primeira parte de “A Divina Comédia” de Dante Alighieri, vai ter direito a uma adaptação cinematográfica por parte da Warner Bros., que adquiriu os direitos do guião escrito por Dwain Worrell.

Segundo a Deadline, o estúdio está muito excitado com a ideia e já deu prioridade à sua produção, devido às proporções do conteúdo e que poderá transformar-se numa potencial franquia.

O poema épico e teológico da literatura italiana e mundial, escrito por Dante Alighieri, no século XIV, é dividido em três partes: Inferno, Purgatório e Paraíso.

Inferno, está dividido em trinta e quatro cantos, acompanha a viagem de Dante, guiado pelo poeta romano, Virgílio. No poema, o inferno é descrito

com Nove Círculos de sofrimento localizados dentro da Terra, Três Vales, Dez Fossos e Quatro Esferas. O inferno foi criado da queda de Lúcifer do Céu. Lúcifer teria caído em Jerusalém, a Terra Santa, portanto, é ali que está o Portal do Inferno. O inferno torna-se mais profundo a cada círculo, pois os pecados são mais graves. Portanto os pecados menos graves estão logo no início, e os mais graves no final.

A segunda parte, Purgatório, é o lugar a que as almas têm de recorrer para purificarem os seus pecados e assim poderem chegar à presença de Deus. Virgílio dá o seu lugar a Beatriz como guia, que o levará até ao Paraíso.

Artigos relacionados