“Infidelidade”: TV sueca vai adaptar numa série filme escrito por Ingmar Bergman

O canal público sueco Sveriges Television, mais conhecido pela sigla SVT, está a desenvolver uma adaptação televisiva do filme “Infidelidade“, um drama romântico que foi escrito por Ingmar Bergman e realizado por Liv Ullmann, filme que chegou aos cinemas no ano 2000. O projeto será produzido em associação com a produtora dinamarquesa Miso Film, uma empresa Fremantle.

A série dramática terá seis episódios que serão dirigidos por Tomas Alfredson (O Boneco de Neve), cineasta que junto a Jesper Waldersten dirigiu em 2018 a curta-metragem “Bergmans Reliquarium”, como forma de homenagear o trabalho do falecido mestre do cinema sueco. O guião terá a assinatura de Sara Johnsen.

“Infidelidade” explora a relação entre paixão e amor através de um complicado triângulo amoroso, que envolve o escritor David que se apaixona pela a bela Marianne, uma atriz famosa e esposa do seu melhor amigo, o célebre maestro Mark. O caso de amor de David e Marianne tem consequências dolorosas para as duas famílias.

Em 2001, Alfredson abordou Bergman sobre a possibilidade de reinterpretar a sua história, mas inicialmente não reagiu bem à ideia. No entanto, acabou por achar que o projeto era ao mesmo tempo “terrivelmente excitante” e “realmente uma merda”.

O cineasta disse que “agora é finalmente a hora de fazer uma série de televisão do chocante drama do triângulo amoroso de Ingmar Bergman”, acrescentando que “tenho dificuldade em acreditar que alguma vez me tenha deparado com uma tarefa maior, mas promete “reverência ao que foi feito antes e arregaçar as mangas para o que está para vir.”

Para já não há nomes para o elenco, nem data para a estreia da série, que Anna Croneman, chefe de contéudos de dramas da SVT descreveu com um dos “projetos ambiciosos” para o canal SVT Drama e para o serviço público em geral.

Artigos relacionados