Jennifer Connelly junta-se a Joel Edgerton no elenco da série de ficção científica “Dark Matter”

Depois de Joel Edgerton (A Lenda do Cavaleiro Verde), a série de ficção científica “Dark Matter“, acaba de receber um novo membro para o elenco principal, com o anúncio da contratação de Jennifer Connelly (Top Gun: Maverick).

O novo projeto é uma adaptação televisiva do aclamado romance best-seller de Blake Crouch, publicado em 2016, um thriller sobre escolhas, caminhos não percorridos, e quão longe somos capazes de ir para reivindicar a vida com que sonhamos, livro que chegou a Portugal sob o título “Matéria Escura”.

Connelly irá interpretar uma personagem chamada Daniela, que na série será a mulher de Edgerton, ator que dá vida ao protagonista da história, Jason Dessen, um físico que tinha uma brilhante carreira de investigação à sua frente, mas que, após a gravidez inesperada da namorada e o nascimento do filho, o seu futuro descarrilou. Agora professor, numa pequena faculdade de Chicago, o físico é raptado e deixado inconsciente por um homem mascarado. Quando desperta, está amarrado a uma maca, cercado por estranhos, e um desconhecido sorri-lhe, dizendo: “Bem-vindo de volta, meu amigo.”

Neste mundo para o qual acaba de acordar, a vida de Jason não é a que conhece. A sua mulher não é a sua mulher. O seu filho nunca nasceu. E Jason não é um simples professor de física, mas um génio famoso que conseguiu algo verdadeiramente notável, algo impossível. Neste labirinto de realidades alucinantes, Jason embarca numa jornada angustiante para voltar para a sua verdadeira família e salvá-los do inimigo mais aterrorizante e aparentemente imbatível que se possa imaginar: ele mesmo.

Jennifer Connelly e Tom Cruise em “Top Gun: Maverick”

Conforme anunciado no passado mês de março, o ator também está definido para exercer como produtor executivo, ao lado do autor do livro, que ficará encarregado de escrever o guião do episódio piloto, além de atuar como showrunner. A série será produzida pela Sony Pictures Television para a plataforma de streaming Apple TV+ e irá contar com 9 episódios, com o francês Louis Leterrier (Irmãos e Espiões) definido para dirigir os quatro primeiros.

Os direitos do livro foram adquiridos pela Sony em 2014, quando ainda era um esboço com pouco mais de 100 páginas, e a intenção do estúdio era desenvolver uma adaptação cinematográfica, razão pela qual Roland Emmerich esteve em negociações em 2016 para assumir a realização do projeto, e que por motivos que desconhecemos, não chegou a avançar.

Artigos relacionados

Contribua com a sua opinião!

O seu endereço de email não será publicado.