“Joker 2”: Todd Philipps desmente rumores sobre a sequela e outros projetos

Todd Philipps desmente rumores sobre a sequela de Joker

A notícia estourou na passada quarta-feira (20) quando o The Hollywood Reporter anunciou em exclusivo que Todd Phillips estava em negociações para escrever e dirigir a sequela de “Joker“, novamente com Joaquin Phoenix a protagonista, mas também para desenvolver um filme baseado num personagem da DC Comics.

A notícia do dia foi posta em causa pouco depois, quando o Deadline publicou um relato completamente diferente, assegurando que não houve qualquer reunião, nem sequer houve qualquer acordo com Todd Phillips ou com o ator Joaquin Phoenix para a possível sequela.

Tratando-se das duas das maiores publicações especializadas sobre tudo o que se passa em Hollywood, era de esperar que só uma delas teria razão. Para esclarecer a situação, o realizador concedeu uma entrevista esta quinta-feira ao IndieWire e desmentiu categoricamente a versão do THR, afirmando que houve precipitação por parte da jornalista.

“Posso dizer honestamente que nunca houve qualquer reunião a 7 de outubro em que tenha participado. Primeiro que tudo, se me conhecem e à minha carreira, não é o meu estilo. Fiz uma comédia gigantesca na Warner Bros., “A Ressaca”, e não me tornei uma fábrica produtora de comédias, tipo, ah, vamos apenas produzir filmes. Bradley [Cooper] e eu temos uma empresa de produção na Warners. Estou na Warners há 15, 16 anos. Temos sempre duas coisas em desenvolvimento, não 40 como algumas pessoas. Não sou o tipo de pessoa que entra a marchar a dizer que quero aqueles 40 títulos. Simplesmente não tenho a energia”, disse Phillips.

Sobre a proposta “gigantesca” para fazer vários filmes sobre histórias de origem de personagens da DC, que a WB teria rejeitado, dando só luz verde para avançar com um projeto, Todd Phillips garantiu que a notícia não podia estar mais longe da verdade e que fez parte da proposta inicial quando apresentou um conjunto de adaptações mais sombrias da banda desenhada e centradas nas complexidades dos personagens. O estúdio rejeitou e decidiu avançar com “Joker”.

Quanto ao estado da sequela de “Joker”, Phillips sustenta que não há acordos em vigor nem existe qualquer guião em desenvolvimento neste momento, mas isso não significa que o projeto esteja fora de questão, achando natural que se fale do assunto, pois, é inevitável quando as receitas mundiais passam os mil milhões de dólares.

“Joaquin e eu dissemos publicamente que conversamos sobre uma sequela desde a segunda semana de filmagens, porque é um tema divertido. Mas o artigo [do THR] estava a referir-se a outras coisas para além daquelas que eram francamente falsas. Não sei como tudo começou, talvez fosse algum assistente a tentar ganhar credibilidade como fonte junto da jornalista”, salientou o cineasta.

A finalizar e sobre se a sequela vai acontecer, Phillips disse que “na melhor das hipóteses, o artigo estava a antecipar-se.”

Artigos relacionados

Contribua com a sua opinião!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *