Kathryn Bigelow vai dirigir para a Netflix a adaptação do romance “Aurora”

Depois de ter dirigido em “Detroit“, filme lançado nos cinemas em 2017, Kathryn Bigelow, vencedora de um Óscar por “Estado de Guerra” (2008), está de regresso à cadeira da realização para comandar as filmagens de “Aurora“, uma adaptação do romance homónimo de David Koepp para a plataforma de streaming Netflix.

Descrito como um thriller fascinante, o livro acompanha Aubrey Wheeler, uma mulher divorciada que vive em Aurora, uma cidade do estado de Illinois, que apenas tenta sobreviver depois de se ter separado do marido. Até que um dia, as luzes se apagam – não apenas em Aurora, mas em todo o mundo, originada por uma tempestade solar derrubou as redes de energia.

Do outro lado do país vive Thom, o irmão distante de Aubrey, um CEO de Silicon Valley fantasticamente rico e neuroticamente preparado, que para enfrentar a crise construiu um luxuoso bunker no deserto com o máximo conforto e segurança. Mas a complicada história entre os irmãos está longe de terminar, e o que parece o fim do mundo é apenas o começo de vários acertos de contas há muito atrasados ​​- aos quais nem todos sobreviverão.

A Netflix garantiu os direitos da adaptação meses antes de o livro ter chegado às livrarias, o que acontecerá no próximo dia 7 de junho. O próprio autor do romance ficou encarregado de escrever o guião do filme, que terá como produtores Greg Shapiro e Gavin Polone.

Quer ficar a par de todas as novidades de cinema e televisão? Siga-nos nas redes sociais e não se esqueça de deixar um “like”!

Estamos no Facebook, Instagram, Twitter e no Google Notícias. Pode ainda assistir aos trailers legendados no Youtube.

Artigos relacionados