“Killers of the Flower Moon”: Filme de Scorsese vai reunir no elenco De Niro e DiCaprio

Killers of the Flower Moon Filme de Martin Scorsese vai reunir Robert De Niro e Leonardo DiCaprio

“Killers of the Flower Moon”, a adaptação do terrível romance de mistério e assassinato no Condado de Osage, que Martin Scorsese (Silêncio) vai levar ao grande ecrã, vai contar no elenco com um ator bem conhecido do realizador, Robert De Niro (Mãos de Pedra).

Segundo Geoffrey Standing Bear, chefe principal da Osage Nation, disse ao Tulsa World que o ator concordou em interpretar William Hale, um dos principais personagens do livro. Esta será a décima colaboração de De Niro com Scorsese iniciada em 1973 com “Cavaleiros do Asfalto” e a próxima depois “The Irishman”, um drama criminal biográfico que será lançado pela Netflix. O ator, que completa 76 anos em agosto, fará também uma nova parceria com Leonardo DiCaprio (Era Uma Vez em… Hollywood), anunciado anteriormente.

O argumento tem a assinatura de Eric Roth, um dos escritores da nova versão de “Assim Nasce Uma Estrela”, baseado no livro de David Grann, intitulado “Killers of the Flower Moon: An American Crime and the Birth of the FBI”, cujos direitos foram adquiridos em 2016 pela Imperative Entertainment.

A história do livro é baseada em factos reais, ocorridos na década de 1920, na Nação Osage, no Oklahoma, uma zona com as pessoais mais ricas per capita do mundo quando descobriram petróleo na sua terra. Mas aos poucos, essas pessoas foram assassinadas, uma a uma.

O FBI, que tinha sido criado recentemente, ficou responsável pelo caso que ficou conhecido por ser a sua primeira investigação de homicídios, desvendando uma conspiração assustadora e um dos mais monstruosos crimes da história norte-americana.

No ano passado foi anunciado que as filmagens iriam começar neste verão, mas devido a alguns retoques que Scorsese está a fazer no projeto da Netflix, a produção só vai arrancar na primavera de 2020.

Artigos relacionados