“Les Affamés”: Filme canadiano venceu o Grande Prémio da 38ª edição do Fantasporto

Terminou no passado fim de semana a 38 edição do Fantasporto – Festival Internacional de Cinema do Porto, evento que decorreu entre os dias 20 de fevereiro e 4 de março no Teatro Municipal Rivoli, na cidade do Porto.

O filme canadiano de zombies “Les Affamés”, de Robin Aubert conquistou o principal galardão do festival de longas-metragens, o Grande Prémio da Competição Internacional de Cinema Fantástico. A produção foi ainda premiada com o prémio de Melhor Realização.

“Aparição”, de Fernando Vendrell, venceu na secção do Cinema Português, ao conquistar o prémio de Melhor Filme. Destaque ainda para as vitórias de “True Fiction”, do sul-coreano Jin-Mook Kim na Semana dos Realizadores e de “Ajin: Demi-Human”, filme do realizador japonês Katsuyuki Motohiro na Secção Orient Express.

Confira o palmarés completo do Fantasporto 2018:

SECÇÃO OFICIAL DE CINEMA FANTÁSTICO

GRANDE PRÉMIO MELHOR FILME – FANTASPORTO 2018
– “Les Affamés”, de Robin Aubert

PRÉMIO ESPECIAL DO JURI
– “November”, de Rainer Sarnet

MELHOR REALIZAÇÃO
– “Les Affamés”, de Robin Aubert

MELHOR ACTOR
– Ian Veneracion por “The Water Spirit”

MELHOR ACTRIZ
– Jessica McLeod por “The Hollow Child”

MELHOR ARGUMENTO
– “Glass Garden”

MELHORES EFEITOS ESPECIAIS
– “Ajin: Demi-Human”, de Katsuyuki Motohiro
– “November”, de Rainer Sarnet

MELHOR CURTA-METRAGEM
– “Belle à Croquer”, de Axel Courtière

MENÇÃO ESPECIAL DO JÚRI
– “A Day”, de Sun-ho Cho

28ª SEMANA DOS REALIZADORES
Prémio Manoel de Oliveira

PRÉMIO MELHOR FILME
– “True Fiction”, de Jin-Mook Kim

PRÉMIO ESPECIAL DO JÚRI
– “Bikini Moon”, de Milcho Manchevski

MELHOR REALIZADOR
– “Al-Asleyeen/The Originals”, de Marwan Hamed

MELHOR ARGUMENTO
– “True Fiction”, de Jin-Mook Kim

MELHOR ACTOR
– Eric da Silva por “Uma Vida Sublime”, de Luís Diogo

MELHOR ACTRIZ
– Soho Rezanejad por “The Charmer”, de Milad Alami

SECÇÃO OFICIAL ORIENT EXPRESS

MELHOR FILME
– “Ajin: Demi-Human”, de Katsuyuki Motohiro

PRÉMIO ESPECIAL DO JÚRI
– “Bhoy Intsik”, de Joel Lamangan

PRÉMIO CINEMA PORTUGUÊS 2018

MELHOR FILME
– “Aparição“, de Fernando Vendrell

MELHOR ESCOLA DE CINEMA PORTUGUESA
Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa

MENÇÃO ESPECIAL DO JÚRI PARA O FILME DE ESCOLA (CRIATIVIDADE)
– “Quem me Bate À Porta”, de Afonso Marmelo

PRÉMIOS NÃO OFICIAIS

PRÉMIO DA CRÍTICA
– “The Butcher, The Whore and the One-Eyed Man”, de János Szasz

PRÉMIO DO PÚBLICO
– “The Child Remains”, de Michael Melski

PRÉMIOS DE CARREIRA 2018
– Harley Cokeliss
– Lauro António
– Mauro Mendonça Filho
– Tony Ramos

Artigos relacionados