Michael Palin vai ser Don Quixote no filme do produtor Paulo Branco

Michael Palin_The Man Who Killed Don Quixote

O produtor português Paulo Branco e o realizador Terry Gilliam (O Teorema Zero), anunciaram em Cannes, novidades sobre ‘The Man Who Killed Don Quixote’, um dos projetos mais adiados de sempre. Há quase 17 anos atrás, começou a ser filmado com Johnny Depp e Jean Rochefort, mas foi interrompido e adiado até à presente data.

Como anfitrião da apresentação do filme, o cineasta português anunciou que  Michael Palin (Absolutely Anything – Uma Comédia Intergaláctica), integrante do colectivo Monty Python juntamente com Gilliam, vai protagonizar Don Quixote e que Adam Driver, conhecido como o vilão Kylo Ren de ‘Star Wars: O Despertar da Força‘ será Sancho Pança. O elenco vai também contar com a bond girl Olga Kurylenko (Um Dia Perfeito) que vai desempenhar o interesse amoroso de Sancho.

Sobre o português, Gilliam desfez-se em sorrisos e elogios. “Finalmente, é desta!” confirmou o cineasta norte-americano. “Conheci o Paulo em fevereiro e disseram-me logo que era o único no mundo que me poderia produzir este filme. Também falei com o Wim Wenders, que já trabalhou com ele duas vezes e disse-me que se há alguém que consegue produzir filmes com pouco dinheiro é o Paulo. Estou muito Feliz. Incrível, conheci-o há pouco tempo e já estamos na pré-produção”.

Por sua vez, Paulo Branco confrontado sobre a produção estar amaldiçoada, afirmou: “Qual quê!? Cada filme surge na altura em que tem de surgir e para coisas demoníacas, esta produção vai ter um diabo. Quêm? Eu…”.

A produção da Alfama Fils e da Leopardo Filmes vai arrancar em outubro, estando previsto estar concluído em dezembro. Esta coprodução com a Bélgica, França, Espanha e Portugal, será maioritariamente rodada em Espanha, mas também irá ser filmado em Portugal, durante quatro semanas. O orçamento estimado ronda os 17 milhões.

Artigos relacionados