Michael Sarnoski vai escrever e dirigir a adaptação do romance gráfico “Sabrina”

Sabrina“, romance gráfico de Nick Drnaso, será um dos próximos títulos a dar o salto para o grande ecrã. Segundo o Deadline, Michael Sarnoski (Pig – A Viagem de Rob) vai escrever e dirigir a adaptação cinematográfica que será produzida pela New Regency e a RT Features.

Publicada originalmente em maio de 2018, a obra foi aclamada pela crítica e em apenas dois meses após ter chegado às livrarias, estabeleceu um marco na história deste género literário: foi a primeira a ser selecionada para o Booker Prize. Além disso, passou a integrar a lista de melhores do ano para o New York Times, The Guardian, NPR e The Atlantic.

Consensualmente aclamada como uma das mais empolgantes e comoventes narrativas dos últimos anos, a história do livro gira em torno de uma questão: O que terá acontecido a Sabrina? A resposta é revelada numa cassete de vídeo, enviada às redações de vários órgãos de comunicação social e cujo conteúdo, rapidamente, se torna viral.

Tudo começa quando um homem, após o desaparecimento da sua namorada, vai viver com o seu velho amigo, um agente especialista em vigilância da Força Aérea que está a lidar com um casamento fracassado. Depois que a horrível fita de vídeo é enviada anonimamente para os meios de comunicação, o desaparecimento de Sabrina torna-se viral. À medida que o ciclo de notícias de 24 horas e as redes sociais tomam conta da história, os dois homens são alvos de teóricos da conspiração virulentos que ameaçam o senso de verdade e a sua fé um no outro.

Este enredo soa como um caso distorcido e sombrio, uma fábula dos tempos modernos, marcada por uma ansiedade no limite da paranoia e onde um rastilho de fake news, teorias da conspiração e muita especulação anuncia uma explosão iminente. O tema também foi explorado por Sarnoski na sua estreia na realização de longas-metragens, “Pig – A Viagem de Rob”, em que apresenta uma história igualmente sombria e emocional sobre um ente querido que desaparece, nesse caso particular um porco.

O filme apresentou Nicolas Cage como protagonista, uma das suas melhores performances, e não seria de admirar que o ator volte a fazer uma nova parceria com o realizador, que também foi escolhido a dedo para assumir a realização do terceiro filme da franquia “Um Lugar Silencioso“, que está previsto ser lançado nos cinemas em 2023.

Artigos relacionados