Morreu aos 89 anos o britânico Roger Moore, ator de ‘007’ e ‘O Santo’

O ator britânico Roger Moore, eternizado nos ecrãs pelas suas interpretações como James Bond ou O Santo, morreu hoje, dia 23 de maio, na Suiça, aos 89 anos (1927–2017), vítima de um cancro.

Numa declaração através da conta pessoal de Moore no Twitter, a família anunciou com “um peso no coração” o falecimento do ator, após uma “breve, mas corajosa batalha com o cancro”.

No mesmo comunicado, a família refere “o amor com que foi rodeado nos seus últimos dias” e recorda o carinho que era sentido pelos seus admiradores, no cinema e na televisão, referindo também o seu entusiasmo e empenho como embaixador da UNICEF, função que assumiu em 1991.

Moore deu-se a conhecer com o personagem Simon Temple na série televisiva ‘O Santo’, exibidas entre 1962 e 1969. Em 1973, substituiu Sean Connery na pele do agente secreto James Bond, no filme ‘007 – Vive e Deixa Morrer’, o primeiro dos sete filmes que protagonizou como 007.

As cerimónias fúnebres irão decorrer em privado, no Mónaco, mediante os desejos de Roger Moore.

Artigos relacionados