Morreu esta quarta-feira o ator português Rogério Samora

Morreu o ator Rogério Samora

Faleceu esta quarta-feira, 15 de dezembro, aos 62 anos, o ator português Rogério Samora, que se encontrava em coma desde o dia 20 de julho de 2021, quando sofreu uma paragem cardiorrespiratória durante as gravações da novela da SIC, “Amor Amor”.

Natural da Amadora, onde nasceu a 28 de outubro de 1959, Rogério Samora estreou-se profissionalmente em dezembro de 1980 na Casa da Comédia, com a peça “A Paixão Segundo Pier Paolo Pasolini“, de René Kalisky, dirigido por Filipe La Féria.

Seguiu-se então um enorme percurso no teatro, televisão e cinema, que valeram ao ator vários prémios, incluindo Globos de Ouro, atribuídos pela SIC e pela revista Caras. No momento do incidente, Samora interpretava a figura de Cajó, contracenando com atores como Rita Blanco e Ricardo Pereira.

Rogerio Samora em "Amor Amor"
Rogério Samora em “Amor Amor”

Nos últimos anos, o ator, que se estreou em televisão com “Vila Faia”, em 1982, tem participado em várias produções da SIC, como “Nazaré”, “Golpe de Sorte”, “Amor Maior”, “Poderosas”, “Mar Salgado” ou “Sol de Inverno”. Antes de se mudar para a estação de Carnaxide, protagonizou várias novelas e série da TVI, como “Destino Imortal”, “Flor do Mar”, “Equador”, “Casos da Vida” e “Fascínios”.

Em produções cinematográficas o ator participou em filmes de Manoel de Oliveira, Fernando Lopes, Luís Filipe Rocha, António Pedro Vasconcelos, João Botelho, José Fonseca e Costa, e os recentes “Raiva”, de Sérgio Tréfaut, e “O Filme do Bruno Aleixo”, de João Moreira e Pedro Santo. Ainda por estrear nos cinemas e em pós-produção encontran-se “Sombras Brancas”, de Fernando Vendrell, e “Amadeo”, de Vicente Alves do Ó.

Artigos relacionados