Nia DaCosta vai dirigir a adaptação cinematográfica do romance “A Dança da Água”

Nia DaCosta (Candyman) foi escolhida para dirigir uma adaptação cinematográfica de “The Water Dancer“, o romance de estreia da escritora Ta-Nehisi Coates, publicado em 2019, que chegou às livrarias portuguesas sob o título “A Dança da Água”, sobre um dom mágico, uma perda devastadora e a guerra pela liberdade.

A história segue o jovem Hiram Walker que nasceu escravo, numa plantação na Virgínia. Quando a sua mãe foi vendida, Hiram ficou sem qualquer memória dela, mas recebeu um poder misterioso. Anos mais tarde, quando Hiram quase se afoga num rio, esse mesmo poder salva-lhe a vida. Este encontro com a morte, acorda em Hiram uma vontade urgente que o leva a criar um plano ousado: fugir da única casa que alguma vez conheceu.

Assim começa a viagem inesperada que leva Hiram da grandeza corrupta das plantações na Virgínia a células de guerrilhas no deserto, do caixão do Sul Profundo a movimentos perigosamente idealistas do Norte. E, mesmo no meio da guerra entre escravos e esclavagistas, Hiram permanece decidido em resgatar a família que deixou para trás.

Com mais de um milhão de cópias vendidas, “A Dança da Água” foi nomeado como um dos melhores livros do ano por publicações como Time, NPR, The Washington Post, The Chicago Tribune, Vanity Fair e Esquire. A adaptação vai ser produzida pela empresa de Coates, a Maceo-Lyn, ao lado da Plan B Entertainment, de Brad Pitt e Jennifer Aniston, e a Harpo Films, de Oprah Winfrey.

DaCosta está atualmente a trabalhar na pós-produção do filme “The Marvels“, protagonizado por Brie Larson, Teyonah Parris, Samuel L. Jackson e Iman Vellani, que está previsto estrear nos cinemas numa data de 2023.

Artigos relacionados