Pandemia volta a atacar. Estreia de “Venom: Tempo de Carnificina” novamente adiada

Estreia de "Venom: Tempo de Carnificina" novamente adiada

A Sony Pictures anunciou um novo adiamento da estreia de “Venom: Tempo de Carnificina” (Venom: Let There Be Carnage). O filme só vai chegar aos cinemas dos EUA a 15 de outubro. Anunciado inicialmente para chegar aos cinemas em outubro de 2020, o filme foi adiado devido à Covid-19 e estava previsto chegar às salas de cinema no próximo mês de setembro

Este novo adiamento do filme realizado por Andy Serkis está relacionada com o aumento de novos casos de Covid-19 nos EUA, relacionado com a variante Delta. Em Portugal, a estreia estava marcada para o dia 16 de setembro, mas até ao momento, a distribuidora portuguesa Big Picture Films ainda não anunciou uma nova data.

Com a nova data pode é muito provável que haja adiamentos de outras produções nos EUA, já que nessa semana está prevista a estreia de “Halloween Mata” e “O Último Duelo“. Uma semana antes está programado o lançamento de “007: Sem Tempo Para Morrer” e uma semana depois chega “Duna” e “Crónicas de França“.

A aguardada sequela do sucesso de 2018, é novamente protagonizada por Tom Hardy no papel de Eddie Brock que se transforma em Venom, o anti-herói do universo de Homem-Aranha, e que irá mostrar o relacionamento entre Eddie e Venom que está em franca evolução e já com o simbionte alienígena completamente integrado no corpo do jornalista Eddie Brock, que tenta levar uma vida normal e retomar o seu trabalho, enquanto se torna um vigilante com capacidades sobre-humanas.

Para além de Hardy, o elenco também conta com o regressos de Woody Harrelson, que repete o seu papel como Cletus Kasady, o vilão conhecido como Carnificina (Carnage), Michelle Williams, Stephen Graham e ainda com a introdução de Naomie Harris como Shriek, o interesse amoroso de Carnage.

Veja ou revejao trailer legendado de “Venom: Tempo de Carnificina”

Artigos relacionados