Paramount está a desenvolver mais um reboot da franquia “Power Rangers”

Novo reboot da franquia Power Rangers

Vem aí mais um reboot da franquia “Power Rangers”. Segundo o The Hollywood Reporter, o grupo de jovens super-heróis vai regressar aos cinemas, desta vez através da Paramount Pictures em associação com a Hasbro, que comprou a propriedade em 2018 ao criador Haim Saban, e vai produzir através da Allspark Pictures.

Para assumir a realização do projeto, o estúdio já se encontra em negociações iniciais com Jonathan Entwistle, conhecido por ter criado a série “The End of the F***ing World”, da Netflix. O guião deste reinício está a cargo de Patrick Burleigh, argumentista que escreveu “Peter Rabbit: Coelho à Solta“, filme que estreia em abril de 2020.

De acordo com fontes do THR, a história deverá envolver uma viagem no tempo, levando os Power Rangers até aos anos 90. Lá, vão ter de encontrar uma forma de voltarem para o presente.

Os clássicos heróis surgiram originalmente numa série live-action em 1993, “Mighty Morphin Power Rangers”, cada um com sua própria roupa coordenada por cores e capacete correspondente, dando origem a uma longa-metragem em 1995.

Dois anos depois, em 2017, a Lionsgate tentou relançar a saga com o filme de Dean Israelite, uma versão mais sombria e menos adequada para adolescentes. Com um orçamento de US$ 100 milhões, o filme apenas arrecadou nas bilheteiras mundiais US$ 142 milhões, levando o estúdio a descartar os seus planos para uma série de novos filmes.

Artigos relacionados