Próximo filme de Christopher Nolan vai ser distribuído pela Universal Pictures

Novo filme de Christopher Nolan vai ser distribuido pela Universal

Era inevitável e só faltava a confirmação. Quase 20 anos depois de “Insónia” (2002), Christopher Nolan abandonou a Warner Bros. Pictures e fechou contrato com a Universal Pictures para a distribuição do seu próximo filme, um projeto ainda sem título oficial, centrado em Julius Robert Oppenheimer, o físico que dirigiu o Projeto Manhattan para o desenvolvimento da bomba atómica, durante a Segunda Guerra Mundial.

A relação de sucesso de Nolan com a Warner ficou deteriorada após o estúdio ter anunciado no final do ano passado que os seus filmes de 2021 teriam estreias em simultâneo nos cinemas e na plataforma de streaming HBO Max. Na altura, Nolan reagiu e não mediu palavras, chegando mesmo a apelidar à HBO Max como “o pior serviço de streaming”.

Depois do primeiro filme, a WB foi a responsável pela distribuição da trilogia “O Cavaleiro das Trevas”, e de títulos como “Inception – A Origem” (2010), “Interstellar” (2014), “Dunkirk” (2017) e o mais recente, e último “Tenet“, lançado em exclusivo nos cinemas durante a pandemia em agosto de 2020.

Segundo o Deadline, a Universal, MGM e Sony Pictures foram os candidatos finais a financiar e distribuir este novo filme da Segunda Guerra Mundial de Nolan, e que a WB nem sequer foi opção, apesar de já ter anunciado que os seus lançamento de 2022 vão ter estreia exclusiva em cinema, permanecendo no mínimo 45 dias antes de chegarem à HBO Max.

Certamente que uma estipulação do acordo de Nolan com a Universal garante uma exibição exclusiva nos cinemas, e talvez até com uma janela mais longa antes que o novo filme seja elegível para o serviço de streaming Peacock, da NBCUniversal, tal como aconteceu com “Velocidade Furiosa 9”, que estreou no passado mês de junho e ainda não está disponível em streaming.

Seja qual for o caso, é o fim de uma era, e a rodagem do novo filme está prevista para arrancar no primeiro trimestre de 2022, com um orçamento a rondar os 100 milhões de dólares, um budget inferior às produções anteriores de Nolan. Os rumores também apontam que Cillian Murphy será o protagonista, algo que ainda não foi confirmado.

Artigos relacionados

Contribua com a sua opinião!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *