“Quo Vadis, Aida?”: Drama sobre a Guerra da Bósnia chega esta semana aos cinemas

Estreia e trailer de Quo Vadis, Aida?

Escrito e realizado pela realizadora bósnia Jasmila Zbanic, os cinemas nacionais recebem na próxima quinta-feira, 3 de junho, a estreia de “Quo Vadis, Aida?“, um dos filmes europeus mais aplaudidos pela crítica em 2020, que foi nomeado ao Óscar de Melhor Filme Internacional e venceu o BAFTA de Melhor Realização e Melhor Filme em Língua não Inglesa.

O filme estreou mundialmente em competição no Festival de Veneza e recebeu posteriormente vários prémios em competições por todo o mundo. Jasna Djuricic, com um desempenho muito emocional, protagoniza esta história ignominiosa que ocorreu durante a Guerra da Bósnia, um conflito armado que durou pouco mais de três anos e causou milhares de vítimas entre civis e militares.

Baseado em factos verídicos, “Quo Vadis, Aida?” é um relato duro e angustiante sobre o genocídio perpetrado pelas forças pró-sérvias em Srebrenica, em julho de 1995, que vitimou mais de 8000 bósnios muçulmanos, um dos piores crimes já cometidos em solo europeu desde a Segunda Guerra Mundial e um dos maiores fracassos da Organização das Nações Unidas (ONU), que considerou o local como seguro.

No centro da história está Aida Selmanagic (Djuricic), uma tradutora bósnia ao serviço das Nações Unidas, que tenta salvar o marido e os filhos quando o exército sérvio assume o controlo da cidade. A sua família está entre os milhares de cidadãos que procuram escapar ao genocídio no acampamento da ONU.

“Quo Vadis, Aida?” é distribuído em Portugal pela Pris Audiovisuais. Assista ao trailer legendado em português:

Artigos relacionados

Contribua com a sua opinião!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *