Rebecca Hall fará a estreia na realização com a adaptação do romance “Passing”

Rebecca Hall vai estrear-se na realização com Passing

Aos 36 anos, a britânica Rebecca Hall vai fazer a sua primeira incursão na área da realização. Segundo as informações exclusivas divulgadas pelo Deadline, a atriz irá dirigir a adaptação cinematográfica de “Passing”, um romance escrito por Nella Larsen, publicado pela primeira vez em 1929.

Para o seu filme de estreia, a nova realizadora e autora do guião, irá contar com o protagonismo de Tessa Thompson (Thor: Ragnarok) e Ruth Negga (Warcraft: O Primeiro Encontro de Dois Mundos), uma produção independente sobre identidade que vai explorar a prática de “passing”, um termo usado para romper barreiras raciais, utilizado por pessoas que sendo de uma determinada raça, nomeadamente negra, se fazem passar por outra, geralmente de raça branca.

Thompson irá interpretar Irene Redfield e Negga dará vida a Clare Kendry, duas amigas de infância criadas no bairro de maioria afro-americana Harlem, em Nova Iorque. Irene é uma negra – aparentemente – orgulhosa de ser casada com um homem negro. Clare, também de cor, é casada com um “racista branco” e passa por branca, devido à sua pele mais clara, para beneficiar do estatuto social e económico que era negado aos negros nos anos 20.

As duas mulheres reencontram-se casualmente depois de muitos anos sem saberem nada uma da outra. A partir desse momento e apesar dos perigos, Clare fará todo o possível para fazer um buraco naquele círculo para o qual trabalhou duro para o romper, com a intenção de reatar a amizade e cumprir o seu desejo de voltar a encontrar-se com os da sua raça.

A notícia saíu numa semana em que estreia nos nossos cinemas “Traições (con)sentidas“, filme em que Hall contracena ao lado de Dan Stevens e Jason Sudeikis. Em novembro, regressará com “Holmes and Watson“, do realizador Etan Cohen.

Artigos relacionados