Reed Morano e Charlie Kaufman vão adaptar o romance “The Memory Police”

Reed Morano e Charlie Kaufman em The Memory Police

A Amazon Studios vai avançar com o desenvolvimento de uma longa-metragem adaptada do romance de ficção científica “The Memory Police“, obra literária da japonesa Yōko Ogawa, publicada originalmente em 1994.

Segundo o Deadline, o projeto vai ser produzido e dirigido por Reed Morano (The Rhythm Section), vencedora de um Emmy por “The Handmaid Tale”, baseado num guião escrito por Charlie Kaufman (Anomalisa) um dos mais aclamados argumentistas de Hollywood, vencedor de um Óscar de Melhor Argumento Original por “O Despertar da Mente” (2004).

A história do livro passa-se numa ilha sem nome, ao largo de uma costa também sem nome, onde as coisas começam a desaparecer. Primeiro pequenas coisas como fitas e depois rosas. Em breve, fotografias. No entanto, poucos são os que já não conseguem lembrar-se de tudo o que já não existe, mas a Polícia da Memória está decidida a garantir que tudo que foi apagado fique esquecido para sempre.

Quando uma jovem romancista percebe que o seu editor de livros ainda é capaz de se lembrar e que pode ser levado pela polícia, ela esconde-o numa cave da sala. À medida que o mundo se fecha ao seu redor, eles lutam desafiadoramente para se apegarem à verdade.

A notícia não refere qualquer data para início da produção, nem avança com qualquer nome para a realização e elenco.

Artigos relacionados