“Salgueiro Maia – O Implicado”: História da vida do Capitão de Abril vai chegar ao cinema

Salgueiro Maia - O Implicado Filme sobre o Capitão de Abril

A história da vida de Salgueiro Maia, considerado o herói e o símbolo mais puro do 25 de Abril de 1974, vai ser contada no grande ecrã numa longa-metragem dirigida por Sérgio Graciano, filme que começou a ser rodado esta segunda-feira (9) e que durante as próximas sete semanas passará por Lisboa, Santarém, Pombal e Castelo de Vide.

Partindo da biografia exclusiva e da investigação de António de Sousa Duarte, o filme intitulado “Salgueiro Maia – O Implicado”, conta com um guião de João Lacerda de Matos e terá nos papéis principais Tomás Alves, Tiago Teotónio Pereira, Filipa Areosa e Gabriela Barros.

De acordo com o comunicado de imprensa da distribuidora Cinemundo, “Mais que um docudrama, trata-se de uma história de ficção baseada em factos históricos e relatos pessoais de quem conheceu e acompanhou o homem, estudante, militar, pai e amigo que se tornou o símbolo mais puro da Revolução dos Cravos e o seu anti-herói”, e que procura revelar “o outro lado de uma personagem mítica” e retratar “as histórias que ainda não foram contadas” sobre Salgueiro Maia.

Fernando Salgueiro Maia nasceu em Castelo de Vide, em 1944, e faleceu em abril de 1992, com apenas 47 anos. Fez campanhas militares em Moçambique e na Guiné-Bissau, tendo ascendido ao posto de capitão, em 1971. No dia 25 de abril de 1974 foi o responsável por comandar a coluna militar que partiu da Escola Prática de Cavalaria, em Santarém, com o objetivo de ocupar a Praça do Comércio e cercar o Quartel do Carmo, em Lisboa, uma missão bem sucedida e que levou à rendição de Marcello Caetano, o então presidente do Conselho, e à queda do Estado Novo.

A estreia nos cinemas portugueses de “Salgueiro Maia – O Implicado” está anunciada para o dia 1 de outubro.

Artigos relacionados