“Sítio do Picapau Amarelo”: Série brasileira de sucesso vai ser adaptada ao grande ecrã

Filme adaptadon de o Sitio do Picapau Amarelo

O programa infantil de sucesso “Sítio do Picapau Amarelo”, baseado numa série de 23 volumes de literatura fantástica, escrita pelo autor brasileiro Monteiro Lobato, entre 1920 e 1947, vai agora ser alvo de uma adaptação ao grande ecrã.

O projeto estará a cargo da Clube Filmes e começará a ser rodado ainda neste semestre. Fabrício Bittar, que escreveu o argumento em parceria com André Catarinacho, vai dirigir o filme.

“Poder contar esta fantástica história, que faz parte de toda uma geração, para novos espectadores é realmente incrível. Estamos bastante animados e ansiosos para o começar a rodar já”, declarou Bittar.

Inspirada na primeira versão, exibida pela extinta Rede Tupi entre 1952 e 1963, a Rede Globo produziu duas versões televisivas de o “Sítio do Picapau Amarelo”. A primeira em 1977, exibida até 1986 e outra em 2001, esta cancelada depois de sete anos de exibição devido à baixa audiência. Em Portugal, o primeiro ano (1977) estreou na RTP em 1981. Os restantes anos foram exibidos até ao final da década de 80.

A acção desenrolava-se num sítio chamado Picapau Amarelo. Lá morava Dona Benta ,uma velhota simpática, a Tia Anastácia que tratava dos cozinhados da casa e a sua neta Lúcia, mais conhecida como Narizinho, com a sua inseparável boneca de pano Emília.

Ainda sem data definida para lançamento nos cinemas, as audições para a escolha dos atores que irão interpretar os principais personagens do elenco vão ser realizadas no próximo mês de fevereiro.

Artigos relacionados