Steven Spielberg e Leonardo DiCaprio poderão reunir-se novamente num biopic sobre Ulysses S. Grant

Steven Spielberg e Leonardo DiCaprio juntos em biopic sobre Ulysses S. Grant

Steven Spielberg e Leonardo DiCaprio estão em negociações iniciais para se reunirem novamente, desta vez num filme biográfico sobre Ulysses S. Grant, o 18º presidente dos EUA que governou o país entre 1869 e 1877. A concretizar-se, os dois titãs do cinema reeditam a parceria de 2002 quando trabalharam juntos no filme “Apanha-me Se Puderes”.

O guião foi escrito por David James Kelly (Robin Hood), baseado no best-seller “Grant”, de Ron Chernow, que fornece a Spielberg uma outra forma de explorar a Guerra Civil, tema que também abordou em “Lincoln (2012)”.

Grant foi um dos líderes militares mais complicados, que se tornaram políticos na história americana. Homem de negócios falido e a demissão do exército a meio de acusações de embriaguez, Grant desfrutou de um empolgante segundo ato como o general mais confiável de Abraham Lincoln. Ele venceu a batalha de Shiloh e a campanha de Vicksburg e derrotou o lendário general confederado do sul, Robert E. Lee. O seu génio militar deu-lhe impulso para dois mandatos na Casa Branca, sendo também um campeão para os negros americanos com o seu trabalho para esmagar a Ku Klux Klan, apesar dos escândalos que envolveram líderes do governo.

O grande problema é saber quando é que Spielberg e DiCaprio voltarão a juntar-se já que a agenda apertada de ambas não dá muito espaço para manobras. Depois de ter dirigido “The Post” e “Ready Player One: Jogador 1“, Spielberg colocou “Indiana Jones 5” e o remake de “West Side Story” como os próximos trabalhos como realizador, estando também envolvido na produção de um biopic sobre o famoso compositor Leonard Bernstein.

Já DiCaprio, depois de um tempo de descanso após vencer o Óscar de Melhor Ator por “The Revenant: O Renascido“, está atualmente ocupado com “Once Upon a Time in Hollywood “, o novo filme de Quentin Tarantino, estando também anunciado para “Killers of the Flower Moon”, de Martin Scorsese, além de outros projetos.

Apesar de todos estes entraves, a Appian Way e a Lionsgate que estão por trás do projeto, rotularam o projeto Grant como prioritário, mas não foram adiantadas informações sobre o início da produção, bem como da possível data de lançamento nos cinemas.

Artigos relacionados