“The Beatles: Get Back”: Filme de Peter Jackson passou a série documental do Disney+

The Beatles Get Back passa a série documental do Disney Plus

Previsto para ser lançado em setembro de 2020 e adiado devido à pandemia de Covid-19, o documentário “The Beatles: Get Back“, do realizador Peter Jackson. sobre a lendária banda de Liverpool “The Beatles”, já não vai passar pelos cinemas. Segundo a imprensa internacional, o filme foi transformado numa série documental exclusiva da plataforma de streaming Disney+.

Por causa da riqueza das imagens que Jackson analisou, e com as quais passou os últimos três anos a restaurar e a editar, “The Beatles: Get Back” será agora apresentado como uma “docu-série” de três episódios separados. Cada episódio tem aproximadamente duas horas de duração e estarão disponíveis ao longo do fim de semana do feriado de Ação de Graças, nos EUA, de 25 a 27 de novembro.

“Como um grande fã dos Beatles, estou absolutamente emocionado que o Disney+ seja o lar desta extraordinária série de documentários do lendário cineasta Peter Jackson. Esta coleção fenomenal de filmagens nunca antes vistas oferece um olhar sem precedentes sobre a camaradagem íntima, composição genial e impacto indelével de uma das bandas mais icónicas e culturalmente influentes de todos os tempos, e mal podemos esperar para partilhar os ‘The Beatles: Get Back’ com fãs de todo o mundo”, disse Bob Iger, presidente executivo e presidente do conselho da The Walt Disney Company.

 

Feito com o apoio entusiástico da família que ainda resta dos Beatles – Paul McCartney, Ringo Starr, Yoko Ono Lennon e Olivia Harrison, “The Beatles: Get Back” dará aos fãs imagens inéditas e íntimas da banda durante um momento crucial na história da música, e mostrará o calor, camaradagem e génio criativo que definiram o legado do icónico quarteto, compilado de mais de 60 horas de filmagens inéditas gravadas em janeiro de 1969 (por Michael Lindsay-Hogg) e mais de 150 horas de áudio, também inéditos.

Jackson é a única pessoa em 50 anos a ter acesso a esses arquivos privados de filmes, para contar a história de John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr enquanto planeiam o seu primeiro concerto ao vivo em mais de dois anos, capturando a escrita e o ensaio de 14 novas canções, originalmente destinadas ao lançamento num álbum ao vivo.

O documentário apresenta pela primeira vez na íntegra a última apresentação pública da banda inglesa como um grupo, o inesquecível concerto no terraço da Apple Corps, em Londres, bem como outras canções e composições clássicas apresentadas nos dois álbuns finais da banda, “Abbey Road” e “Let it Be”.

Antes da estreia no Disney+, a 12 de outubro, será lançado um livro de 240 páginas, com o mesmo título, com transcrições das conversas gravadas dos Beatles e centenas de fotos exclusivas e nunca antes publicadas das três semanas de sessões. O livro será publicado em nove idiomas, mas não se sabe se terá tradução em português.

Assista a um sneak peek legendado:

Artigos relacionados