‘The Catcher Was A Spy’: Thriller de espionagem é o novo projeto de Paul Rudd

Paul-Rudd

Paul Rudd que regressou ontem aos cinema portugueses como Scott ‘Homem-Formiga’ Lang, no aguardado filme ‘Capitão América: Guerra Civil‘, já tem um novo projeto, o thriller de espionagem ‘The Catcher Was A Spy’, uma história de vida real ambientada na II Guerra Mundial.

O projeto vai ser realizado por Ben Lewin, a partir de um guião escrito por Robert Rodat, adaptado do best-seller de não ficção com o mesmo nome de Nicholas Dawidoff.

A trama está centrada em Moe Berg, um talentoso estudante universitário que falava nove línguas e passou 15 anos como jogador de basebol em várias equipas. O que os seus companheiros não sabiam é que, a carreira desportiva era um disfarce para a sua vida como espião, aos serviço da OSS, uma agência pré-CIA, ajudando os EUA a vencer a corrida pela bomba atómica contra a Alemanha.

Apesar da narrativa atraente, este é um projeto que está em desenvolvimento há anos, com várias estúdios a tentarem formar uma opinião sobre a história. A Warner Bros. pensou em George Clooney (Gravidade) para liderar o elenco, mas agora, a PalmStar Media ficou com os direitos e Rudd com o papel.

Além do seu papel como super-herói, o ator faz parte do elenco que vai dobrar os personagens da animação ‘Sausage Party’ e está anunciado para o filme de ficção científica ‘Mute’ do realizador Duncan Jones.

Artigos relacionados