“The Commons: Última Esperança”: Série apocalíptica estreia no AXN Portugal

AXN Portugal estreia a serieThe Commons: Última Esperança

A partir das 22:00h desta terça-feira, 6 de julho, estreia no AXN Portugal a série “The Commons: Última Esperança“, um thriller apocalíptico australiano com uma visão trágica do futuro que, em oito episódios, mostra-nos um mundo mergulhado no desastre mais absoluto, com destruição e infortúnio, descontrolo, pragas e esgotamento de recursos naturais.

Com 5 episódios escritos por Shelley Birse, dois da autoria de Michael Miller, e um com a assinatura de Matt Cameron, este drama de ficção científica passa-se num futuro não muito longínquo, na cidade de Sidney, na Austrália, apresentando um conteúdo totalmente atual e abordando temas como mudanças climáticas, maternidade perto dos 40, gestão política diante de graves problemas sociais e pandemias.

Na série, o mundo está um caos total, com imigração em massa, riscos de pandemia e uma divisão acentuada entre ricos e pobres. Os recursos naturais são limitados, as mudanças climáticas têm efeitos devastadores e apenas alguns têm acesso à medicina e à biotecnologia mais avançadas. Há espaço para os limites éticos das pessoas? Como seria viver num mundo assim?

Joanne Froggatt e David Lyons são os protagonistas como Eadie Boulay e Lloyd Green, respetivamente, um casal que vive na Austrália. Ela é uma neuropsicóloga de 38 anos que trabalha a apoiar imigrantes que fugiram dos seus países devido às graves consequências das mudanças climáticas. Apesar das circunstâncias extremas em que o mundo se encontra, quer a todo custo ser mãe.

O seu marido, o biólogo Lloyd, é um dos cientistas que trabalha para encontrar uma vacina que seja segura e acessível a todos para curar a doença de Chagas, uma enfermidade causada pela picada de insetos mutantes que assola a população. Também quer começar uma família, mas parece que a vida parece complicada.

Ryan Corr também faz parte do elenco principal no papel de Shay Levine, o melhor amigo de Lloyd, um biólogo experimental e um anti-sistema, assim como Rupert Penry-Jones, que interpreta Dominic Boulay, irmão mais velho de Eadie, um executivo habilidoso que no seu negócio é uma testemunha direta da violência das mudanças climáticas, mas que, felizmente, tem recursos financeiros suficientes para proteger a sua família.

Artigos relacionados

Contribua com a sua opinião!

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *