Uwe Boll acusou Paul Thomas Anderson de copiar o poster de “Linha Fantasma”

“Linha Fantasma” (Phantom Thread), de Paul Thomas Anderson, é um dos filmes mais aclamados de 2017 e está nomeado ao Óscar em seis categorias, entre as quais de Melhor Filme e Melhor Realizador.

Quem não está muito impressionado com o filme é o realizador Uwe Boll, que utilizou o Twitter para acusar Anderson de imitar o poster que elaborou para o seu filme “BloodRayne (2005)”. Boll acusa Anderson de copiar de forma deliberada o poster, depois de ter criticado o filme no seu talk show:

“Nunca teria acreditado, mas Paul Thomas Anderson está a dar-nos um verificável ‘vão-se f**er’, depois de eu ter criticado Phantom Thread no Uwe Boll: RAW… Olhem para este poster. Isto não é uma coincidência”, tweetou Boll a acompanhar a imagem que apresentamos.

Apesar das semelhanças, a acusação é estranha, já que não são os realizadores que desenham os cartazes para os seus próprios filmes, bem como, ter sido apresentado muito antes de Boll ter a chance de ver o filme e a possibilidade de o criticar.

Boll, é mais conhecido pelas suas várias adaptações de videojogos, tendo realizado o seu último filme em 2016, “Rampage: President Down”. O seu trabalho foi muitas vezes criticado, levando-o a desafiar os seus críticos para combates de boxe.

“Linha Fantasma” estreou nos cinemas portugueses no passado dia 1 de fevereiro, com protagonismo de Daniel Day-Lewis, Vicky Krieps e Lesley Manville.

Artigos relacionados