Yorgos Lanthimos vai escrever e dirigir a adaptação ao grande ecrã de “Pop. 1280”

Yorgos Lanthimos vai escrever e dirigir Pop. 1280

Depois de “A Favorita”, que esta madrugada venceu o Óscar de Melhor Atriz (Olivia Colman), o grego Yorgos Lanthimos foi contratado pela Imperative Entertainment para escrever e dirigir “Pop. 1280”, uma adaptação do romance policial de Jim Thompson, publicado pela primeira vez em 1964.

A trama do livro está centrada num xerife corrupto de uma pequena cidade que manipula as pessoas à sua volta para ganhar as próximas eleições. “Pop. 1280” também serviu de base para o filme de 1981 dirigido por Bertrand Tavernier, “Justiceiro por Conta Própria” (Coup de Torchon).

O projeto, considerado de alta prioridade, vai ser produzido pela Element Pictures, a Imperative e Lanthimos, em associação com a Discovery Productions.

“Pop. 1280” será o quarto filme de Lanthimos com Andrew Lowe e Ed Guiney da Element, depois de “A Lagosta”, “O Sacrifício de Um Cervo Sagrado” e “A Favorita”.

Artigos relacionados